Mobilidade


PELOURO DA MOBILIDADE, TRÂNSITO E TRANSPORTES
 
O Pelouro da mobilidade, trânsito e transportes, tendo um vasto número de problemas a resolver, tenta dar, neste momento, solução aos problemas prioritários.
Mobilidade
Em curso estão o estudo ou já a actuação sobre o acesso dos deficientes. Incluem-se, neste caso, o acesso de deficientes ao shopping do Cacém (em estudo na C.M.S.), que será uma continuação da obra feita pelo Polis Cacém, interrompida na Rua do Olival.
Está também a ser feito o levantamento do número de escolas que não têm este tipo de acesso que poderá ser necessário a alunos, pais ou professores com deficiência.
Transportes  
No que respeita aos transportes, está a ser estudado, neste momento, a hipótese de aumentar o número de carreiras de autocarros ou a sua assiduidade, nomeadamente os que passam no cemitério que só passam 2 vezes por dia e nenhuma vez aos fins de semana, altura há um maior número de pessoas a ir lá e, normalmente, pessoas mais idosas, sem outra alternativa.
Trânsito
Ainda em curso, a resolução do problema, também já em estudo na CMS do sentido do trânsito que seja alterado o percurso sentido único na Rua da Copa. (S. Marcos). O motivo é que os utilizadores diários do percurso Av. Do Brasil, sentido Sul Norte e Estrada de São Marcos Histórico, diariamente nas horas de ponta e mau tempo deparam com imensas dificuldades de acessibilidade neste percurso. No final da Rua Sociedade Recreativa de S. Marcos existe um pequeno troço que liga à Rua Cidade Rio de Janeiro junto à escola Rainha D. Leonor de proximamente 20 m fosse também reparado que seria uma alternativa ao transito de sentido único de S. Marcos Histórico para Av. Do Brasil. 
Alterações na Rua Cidade de São Paulo em São Marcos. Alteração da passadeira se possível para fazer tipo lomba. Sendo um local de passagem de pessoas para a estação do comboio uma grande percentagem sobe as escadas em direcção a praceta de Pernambucano, não faz sentido  andarem para traz e não o fazem, da mesma forma se for colocada em frente ao Lote 52, porque tem acesso directo ao passeio. Passadeira elevada porque se trata de uma recta tem por parte de alguns automobilistas acelerarem mais do que é permitido. Ser colocado algumas baias a proibir o estacionamento em cima do passeio do lado do espaço verde.
Num espaço onde há um estacionamento mas desordeiro, pede-se a marcação no pavimento conforme está a 3m abaixo, assim consegue-se estacionados para 7 a 9 automóveis . 
No geral, os casos piores no que respeita o trânsito, estão no Casal Cotão, onde as estradas estão cheias de buracos e a necessitar de um tapete, já que  a solução de “tapar buracos” não resolve a situação  porque basta chover um bocado para eles voltarem a abrir.
Um caso urgente na Praça cidade de Omura no Casal Cotão, por uma passadeira e uma lomba de pedra à saída da escola,  (Escola primária). Os carros passam sem abrandar, as crianças atravessam a estrada à saída da escola onde não há uma passadeira, é urgente por uma passadeira à saída da escola.
No Cacém, na Rua Alfredo José Marques, por um anti derrapante ou um tapete de alcatrão. O motivo é que tem havido acidentes, os carros tem derrapado  por causa do piso que é uma calçada. E no Inverno tornasse um perigo.
 
 
Cacém e São Marcos, 04 de Junho de 2014